Reconstruindo o mindset em mentes coletivas

Por Jaqueline Sosinho, para Coletiva.net

Dentro de uma organização, o indivíduo atua em grupo. Não é uma individualidade completa, mas, sim, uma junção de personalidades que se unem para formar a MENTE COLETIVA ORGANIZACIONAL e ela determina a Cultura Empresarial.

Somente nesse contexto que uma empresa funciona. Até porque precisamos das pessoas, de suas competências e a complementariedade que une um grupo para formar comportamentos, crenças e princípios que guiarão o negócio dentro de uma lógica que precisa ser conhecida e entendida.

Com essa realidade que nos envolvemos a cada projeto novo em que mergulhamos em uma empresa. E, normalmente, nos deparamos com um grande problema, que pode se tornar a grande oportunidade desse negócio encontrar a alavancagem para desbravar um novo futuro.

Em teoria, tudo é possível. Falar o que deve ser feito, já existem milhares de consultores que indicam os caminhos e orientam sobre o passo a passo. Mas fazer, colocar mão nessa massa cinzenta e realizar algo transformador é para muito poucos. E é nesse desafio de mergulhar na ponta mais profunda do iceberg empresarial e transformar essa cultura que gosto de atuar em conjunto com uma equipe multidisciplinar e buscar questionamentos e inquietações para realmente fazer uma mudança no MINDSET. E isso só acontece quando conseguimos atingir a MENTE COLETIVA da organização.

Para isso, é necessário conhecimento, preparo e profissionais de diversas áreas para trazer à tona o pior e o melhor das organizações, e tocar nas partes mais sensíveis do negócio: seus sonhos e seus resultados.

Para alcançar isso é preciso realizar. Pensar. Agir e TRANSFORMAR. Portanto, o trabalho é resgatar a mente coletiva e despertar a percepção junto a elas por meio de dados, informações, vivências do que realmente importa para manter unido um grupo responsável por manter em pé uma organização.

Tocar no íntimo. Despertar algo que já existe no automático e trazer à consciência atitudes, processos e decisões que são tomadas e podem levar a empresa para cada vez mais distante do seu propósito original. Só olhando para dentro da organização, lá no seu âmago, que teremos resposta para grande parte dos anseios, dos medos e até dos desafios que poderão alavancar o negócio.

É na mente coletiva que estão as respostas. É na soma de cada indivíduo que está a força empresarial. É no reforço das competências e na percepção de experiências que podemos olhar para o futuro, imaginar e criar uma realidade para os negócios.

Mudança de mindset é muito mais do que um conceito que está na moda no mercado empresarial e consultivo. É algo poderoso que usado com técnica, metodologia, conhecimento e com os profissionais certos, faz a revolução e evolução de uma organização, de uma categoria e de um mercado inteiro.

Basta mergulhar com vontade e construir algo na MENTE COLETIVA das organizações.

Quem define a força da corrente é o elo mais fraco.

Jaqueline Sosinho é CEO da Confluência - Evolução Organizacional.

 

Comments