Sobre ser grato, útil e leve

Por Grazi Araujo

Sabe passar café? Anotar recado? Ser gentil com o presidente e com a servente? Passar informação correta, sem fazer fofoca? Guardar segredo? Dividir o lanche? Fazer um mate? Ter sempre uma caneta e um papel na bolsa? Uma balinha, chiclete ou algo de mascar? Então já pode começar a pensar em ser jornalista e, de quebra, ser útil em outras funções. O dinamismo da nossa profissão é um dos meus maiores encantamentos. Não tem ruim, sabe? Ou não deveria.

Dentre tantas atribuições - da carreira ou não - a facilidade no relacionamento e a disponibilidade deveriam ser pré-requisitos de bons profissionais. Claro que isso está em cada um, carregado de personalidade, jogo de cintura, confiança, uma pitada de ousadia e de bom senso. Tantas características, aliadas a profissionalismo e ao domínio do que se faz, torna o trabalho mais leve. Um sorriso no rosto carregado de gentileza e sinceridade abre portas. Um simples agradecimento, reconhecimento e elogio incentivam a querer mais.

Colegas que se apoiam, que compartilham, que criam juntos. Sem melindres e vaidades. Pessoas que se respeitam, que convivem mais umas com as outras do que com a família e que, indiferente de cargos, lados e posições, conversam sobre a previsão do tempo, futebol e comida. A importância do saber ser político mesmo sem trabalhar com política. São por situações assim que dá gosto de acordar pela manhã e encarar a pauta do dia. É convivendo com pessoas deste tipo que até os dias mais pesados acabam carregados de uma leveza fora do tradicional. Acredito que a felicidade está nessas pequenas coisas, sabe? A certeza que fizeste uma boa escolha, de que vale abrir mão de algumas para conquistar outras, de até na TPM tornar a compra de um chocolate um acontecimento. São pessoas assim, de verdade, que fazem o dia a dia ficar muito melhor. Senta aí, toma um café e conta do teu dia. 

Autor
Grazielle Corrêa de Araujo é formada em Jornalismo, pela Unisinos, cursa MBA em Comunicação Eleitoral e Marketing Político, na Estácio de Sá, é pós-graduada em Marketing de Serviços, pela ESPM, e com MBA em Propaganda, Marketing e Comunicação Integrada, pela Cândido Mendes. Atualmente é chefe de Comunicação Social na Casa Civil do Rio Grande do Sul. Também responde pela Comunicação Social da Sociedade de Cardiologia do RS (Socergs) e da Associação Gaúcha para Desenvolvimento do Varejo (AGV). Tem o site www.graziaraujo.com

Comments